Os livros LGBTI que eu gostei de ter lido

Os livros LGBTI que eu gostei de ter lido

Há certo tempo tenho percebido que muitos dos livros de temática LGBTI não tem me chamado tanta atenção. Ainda encontro livros que eu goste de ler, seja não só pela boa construção como pelo bom desenvolvimento do enredo, enquanto ideia.

Estante2Os últimos lidos Os dois mundos de Astrid Jones, da A. S. King, e Ovelha, do Gustavo Magnani, foram um pouco decepcionantes. Talvez, se os tivesse lido alguns anos atrás a coisa seria diferente. Penso isso, pois já achei que “O terceiro travesseiro” era um livro incrível e, embora a minha afetividade o guarde em um lugar na minha estante, não tenho mais como olhá-lo e pensar como antes.

Eu entrei em contato com tantas outras leituras, sejam elas nessa temática ou em outras que, houve uma mudança em mim enquanto leitor e no que esperar de uma história. Isso é normal e acontece conforme vamos lendo mais e mais.

Claro, isso não me faz ser melhor que ninguém. Cada um tem o seu tempo de amadurecimento literário e eu não posso cobrar que os gostos sejam sempre compatíveis com os meus. É fato que, mesmo não sendo adolescentes, há muitas pessoas que gostam de livros como os do David Levithan, seja pela ludicidade e possibilidades que ele coloca em seu texto, para o desenvolvimento de empatia e respeito à diversidade, seja pela identificação com o enredo e/ou personagens.

Há muitos fatores, além da questão de ter lido muito e coisas variadas, que vão influenciar no gosto literário de cada um e isso não faz de ninguém um hater, a menos é claro que a pessoa desgoste por desgostar.

Pensando nisso, eu fiz um vídeo falando sobre os livros LGBTI que eu gosto. Muitos deles foram resenhados aqui na coluna  e outros encontram-se no meu blog (os links estão relacionados no vídeo e na descrição). No total, eu falo de 15 livros. Espero que gostem e aproveitem as indicações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *